Pick a color

Boxed/Wide

Boxed
Wide

Content width

1200
1040
960

Select headings font

Background (Boxed)

hqdefaultNa internet ficamos expostos, seja por pesquisas em fontes não confiáveis, navegações em sites desconhecidos ou até por causa de downloads de filme, por exemplo. Por isso, estamos sujeitos a diversos tipos de ataques de hackers, vírus e malwares. Com o objetivo de estudar maneiras de defesa contra essas invasões, a IBM possui um grupo de pesquisa composto por mais de 3.500 pessoas de diversas partes do mundo, o X-Force.

O grupo trabalha não com o objetivo de impedir as invasões e sim de desenvolver formas de detectar com antecedência quais pontos correm mais risco. Anualmente, a IBM divulga um relatório com as principais ameaças e pontos vulneráveis para atenção do mercado e, dessa forma, fabricantes e usuários conseguem corrigir os erros antes que o ataque ocorra realmente, por meio de atualizações da tecnologia.

Hoje, são 13 bilhões de ataques sofridos diariamente em mais de 130 países monitorados pelo X-Force, que possui 15 laboratórios distribuídos pelo mundo. O grupo tem se antecipado ainda em relação aos dispositivos móveis, que hoje são pouco atacados, mas devem se tornar alvo em breve.

Com números assim tão altos, apostar em segurança está virando necessidade em qualquer parte do mundo – os investimentos no mercado global de segurança devem chegar a 67,2 bilhões de dólares em 2013, segundo análise feita pelo Gartner, instituto de pesquisa e aconselhamento em TI. No Brasil, de acordo com o IDC, outro instituto de pesquisa, estamos perto de atingir a marca de um bilhão de dólares aplicado em segurança da informação.

Artigos Relacionados

08 mar
Viagem ao centro da terra
Geral // 0

Vou começar esse texto com uma frase que me inspirou durante a visita à Fundação Shunji Nishimura e FATEC de Pompéia Shunji Nishimura, no interior de São Paulo, no início de fevereiro: “Se parar agrícola, mundo para” Quem disse isso, com um português bastante difícil, foi o Sr. Shunji Nishimura. Ele foi o idealizador da

06 jan
O que podemos esperar da tecnologia daqui a 5 anos?
Geral // 0

Vamos começar 2017 falando de futuro! Tradicionalmente, a IBM consolida em um anúncio a sua visão sobre os próximos passos da tecnologia. São cinco previsões daquilo que poderá se tornar realidade nos próximos cinco anos. Olha só que legal: nas previsões de 2013, a IBM revelou que tecnologias seriam capazes de aprender e beneficiariam diversos

20 jul
Entenda cloud computing com cerveja
Geral // 3

– Por Bruno Favery – Sempre se perguntou ou nunca entendeu direito o que é cloud computing? Conversamos com Wagner Arnaut, expert em cloud da IBM Brasil, e ele nos explicou da melhor maneira possível como funciona a tecnologia, dando exemplos que envolvem cerveja! Nunca foi tão fácil e divertido falar sobre nuvem. Aperta o

Comentários

Deixe aqui seu comentário

nitromidia.com Desenvolvido por