Pick a color

Boxed/Wide

Boxed
Wide

Content width

1200
1040
960

Select headings font

Background (Boxed)

Conforme vemos crescer o uso de redes sociais e a adoção de tecnologias como mobilidade e computação em nuvem, também percebemos que ficamos cada vez mais expostos a diversos tipos de ataques de hackers, vírus e malwares. Na internet, todos somos alvos de ameaças cada vez mais sofisticadas à segurança de nossos dados, sejam pessoas físicas ou empresas.

Atualmente, de acordo com estudos da IBM, existem mais de 70 mil vulnerabilidades de segurança com mais de uma dúzia delas sendo relatadas sendo relatadas diariamente. Para estudar e avaliar como estes criminosos virtuais agem, monitorar novos tipos de ataques e vulnerabilidades à segurança da informação e encontrar as melhores práticas para a defesa contra estes ataques, a IBM possui um time de pesquisadores e especialistas em segurança conhecido como IBM X-Force, ou “hackers do bem”.
As mídias sociais se transformaramno novo “Playground” 
De acordo com o relatório de tendências e riscos divulgado pelo IBM X-Force no segundo semestre de 2013, os criminosos virtuais estão aperfeiçoando cada vez mais suas habilidades, o que trouxe um aumento no número de ataques a redes sociais, sites, aplicativos móveis e “watering hole” (ataques realizados contra empresas menores e mais vulneráveis). Os ataques acontecem por meio de spams que podem ter a aparência profissional ou mesmo enviar links nocivos que parecem ser de amigos ou pessoas que você “segue”. Para evitá-los, as redes sociais têm tomado medidas mais proativas na pré-varredura de links incluídos em posts/mensagens privadas e públicas. As mídias sociais tornaram-se rapidamente os principais alvos de invasores, que continuam utilizando este canal como meio de obter mais inteligência para promoverem ataques cada vez mais sofisticados. Além disso, os hackers também passaram a vender contas usuárias das mídias sociais.
Os infográficos abaixo trazem os principais insights apresentados pelo estudo. Para acessar o relatório na íntegra, acesse www.ibm.com/security/xforce.

 

Artigos Relacionados

30 ago
Três razões para celebrarmos a chegada do Watson Oncology ao Brasil
Geral // 0

*Por Claudio Ferrari – “If you cannot measure it, you cannot improve it.” (Sir William T. Kelvin , Matemático, Físico e Engenheiro – 1824 – 1907) O lançamento do Watson for Oncology marca a chegada da computação cognitiva aplicada à saúde no Brasil. Temos três boas razões para comemorar esse novo momento da medicina. 1. Poderemos ser

03 jun
Roland Garros: a tecnologia me ajudou a ganhar uma aposta
Geral // 0

– Por Bruno Favery – Durante o torneio de tênis Roland Garros, o mais charmoso Grand Slam, acontece um ritual em casa. Todo domingo meu pai e eu preparamos uma bela macarronada, assistimos às partidas do dia e o mais importante: apostamos nos resultados.  O hábito já leva 11 anos e nasceu na mesma época em

29 out
IBM e Twitter: parceria irá transformar as decisões empresariais
Geral // 0

 Todos os dias os usuários do Twitter postam cerca de 500 milhões de Tweets. Esse tsunami de mensagens com 140 caracteres abrange uma ampla gama de interesses e atividades sociais. Esses dados possuem aplicações e valor ilimitados. E hoje, a IBM e o Twitter dão um passo importante que permitirá que empresas incorporem dados do

Comentários

Deixe aqui seu comentário

nitromidia.com Desenvolvido por