Pick a color

Boxed/Wide

Boxed
Wide

Content width

1200
1040
960

Select headings font

Background (Boxed)

tumblr_nxkc35PWEk1s141c3o1_r7_1280Esta semana, a IBM deu um passo importante para tornar tecnologias cognitivas acessíveis a empresas de todo o mundo. A Big Blue investiu 1 bilhão de dólares para criar uma unidade de negócios independente para o Watson, o supercomputador desenvolvido por pesquisadores da IBM que ficou conhecido quando venceu os jogadores no programa de TV “Jeopardy”, nos Estados Unidos, em 2011. A nova unidade, batizada de IBM Watson Group, será dedicada a desenvolver e vender soluções cognitivas.

O Watson é um sistema sofisticado baseado em cloud que aprende de forma muito semelhante ao ser humano, o que lhe permite analisar e interpretar uma grande quantidade de dados de forma quase instantânea. A máquina foi capaz, por exemplo, de analisar informações rapidamente e encontrar respostas precisas em menos de 3 segundos durante o programa. O Watson foi capaz de analisar o equivalente a cerca de um milhão de livros, ou aproximadamente 200 milhões de páginas de dados, dando respostas instantâneas.
Mas a IBM não investiu milhões para criar um supercomputador para ganhar um programa de TV. Nos últimos dois anos, a IBM fez parcerias para utilizar todo esse poder analítico para a sociedade, principalmente o setor de saúde. Nesse vídeo você pode entender como o Watson já está ajudando médicos no diagnóstico e tratamento do câncer.
Agora, qualquer empresa poderá ter seu “Watson”. Todo esse poder analítico sairá dos laboratórios da IBM na forma de software e serviços para beneficiar hospitais, escolas, universidades, bancos, lojas e empresas de diversos outros setores.
Tecnologias cognitivas representam a nova era da computação e o Watson é o grande ícone desse movimento. No fim do ano, a IBM anunciou as 5 inovações que vão mudar as nossas vidas nos próximos 5 anos. Todas elas têm como base sistemas cognitivos. Saiba mais aqui.

Artigos Relacionados

11 maio
Watson agora é o inimigo número 1 do Cibercrime
Geral // 2

*Por Maria Fernanda Espinosa Quem, quando leu o título, imaginou o Watson com uma arma na mão, uma máscara de Iron Man (meu herói preferido) e prendendo os vilões? Bom, vai ser maaais ou menos isso! A partir de agora, nosso caro amigo ajudará na luta contra o crime digital. Como parte de um projeto

19 jan
Robôs da Disney mostram o futuro da inteligência artificial
Watson // 0

*Por Kelly Bassi Quando falamos sobre inteligência artificial sempre há um clima de desconfiança e medo no ar. Pensamos em robôs invadindo a terra, uma guerra entre máquinas e humanos cheia de efeitos especiais. Isso se deve muito à forma com que o cinema tratou o tema até pouco tempo – sempre ligado a uma história de dominação das

06 abr
O mistério acabou: respondemos as três maiores dúvidas sobre o Watson
Watson // 6

Especial Computação Cognitiva *Por Kelly Bassi – Para fechar nosso especial sobre computação cognitiva com chave de ouro, levantamos com o time de Watson no Brasil quais são as principais perguntas que surgem sobre a plataforma cognitiva da IBM. Descobrimos que existem três grandes dúvidas que ainda vêm à cabeça das pessoas quando falamos em

Comentários

Deixe aqui seu comentário

nitromidia.com Desenvolvido por