Pick a color

Boxed/Wide

Boxed
Wide

Content width

1200
1040
960

Select headings font

Background (Boxed)

Social_Business_Icon_140-3Depois de participar do Jeopardy e vencer os humanos, o IBM Watson tem outra missão – agora humanitária – para colocar em prática. Foi anunciado o Projeto Lucy, uma iniciativa da IBM que levará o Watson à África para ajudar na solução de desafios sociais e econômicos. Nos próximos 10 anos, tecnologias cognitivas serão utilizadas para aprender e extrair informações valiosas de grande volume de dados para, mais tarde, desenvolver soluções comercialmente viáveis para os africanos nas áreas de saúde, educação, saneamento e água, mobilidade e agricultura.

O investimento de US$ 100 milhões será destinado ao levantamento dos desafios e das oportunidades locais. Para isso, nos últimos dois meses, a IBM mobilizou 930 pessoas de mais de 25 países, que colaboraram com o envio de cerca de mil imagens que ilustram três categorias relacionadas aos gargalos do continente: Grandes Desafios da África, Sistemas Urbanos e Inovação. Estas fotos que serão utilizadas para traçar um perfil amplo e complexo de todos os setores a serem contemplados no projeto.

A associação de computação cognitiva e colaboração, criada pelo Projeto Lucy, inaugura um novo passo na concepção de cidades mais inteligentes. Para promover a participação da sociedade, a IBM criou um concurso para eleger as melhores fotos enviadas pelos cidadãos. Através de imagens, eles conseguiram contar uma história diversificada de tecnologia e inovação da África atual, em prol do desenvolvimento de iniciativas que possam resolver os problemas enfrentados pelo continente.


 

Artigos Relacionados

31 mar
Terapia com robôs
Watson // 0

O que a computação cognitiva pode fazer por um ser humano está ficando cada vez mais claro, ufa!  Um sistema cognitivo ajuda pessoas a tomarem melhores decisões, oras! Das mais simples até as mais complexas. Isso porque ele amplia a capacidade cognitiva dos seres humanos, ou seja, seu conhecimento. Quer um exemplo? O Watson já pode

10 jan
E o Watson ganha o mundo
Watson // 0

Esta semana, a IBM deu um passo importante para tornar tecnologias cognitivas acessíveis a empresas de todo o mundo. A Big Blue investiu 1 bilhão de dólares para criar uma unidade de negócios independente para o Watson, o supercomputador desenvolvido por pesquisadores da IBM que ficou conhecido quando venceu os jogadores no programa de TV

06 abr
O mistério acabou: respondemos as três maiores dúvidas sobre o Watson
Watson // 6

Especial Computação Cognitiva *Por Kelly Bassi – Para fechar nosso especial sobre computação cognitiva com chave de ouro, levantamos com o time de Watson no Brasil quais são as principais perguntas que surgem sobre a plataforma cognitiva da IBM. Descobrimos que existem três grandes dúvidas que ainda vêm à cabeça das pessoas quando falamos em

Comentários

Deixe aqui seu comentário

nitromidia.com Desenvolvido por