Pick a color

Boxed/Wide

Boxed
Wide

Content width

1200
1040
960

Select headings font

Background (Boxed)

Projetos brasileiros de Cloud foram passear em Las Vegas essa semana. Eles foram apresentados no Pulse, maior conferência de computação em nuvem do mundo, que reúne 11 mil pessoas do mundo todo, realizada pela IBM. A startup brasileira AudioMonitor apresentou um sistema capaz de monitorar os dados gerados por milhares de rádios do Brasil e que roda na cloud da IBM SoftLayer. O aplicativo emite um relatório da quantidade de inserções,
horários, locais e audiência da rádio que uma música tocou.
Através desse relatório, artistas e empresários poderão, por exemplo, fazer análises, definir estratégias para  direcionar o investimento e ter o controle de direitos autorais.
O Ei! também foi aplaudido em Vegas. O projeto analisou o que nós, torcedores, postamos no twitter sobre os jogadores e as partidas antes, durante e depois dos jogos da Copa das Confederações do ano passado. Essa análise de sentimento social foi uma espécie de presente para o nosso técnico saber a aceitação dos brasileiros para suas escolhas sobre a seleção. Tudo isso rodou na cloud pública da IBM.
Novidades da IBM em Cloud
O Pulse 2014 foi palco de importantes anúncios da IBM na área de Cloud. Veja só:
– US$ 1 bilhão será investido nos próximos 2 anos para o desenvolvimento de softwares para a nuvem.
– A IBM adquire a Cloudant, uma startup americana conhecida por soluções de gerenciamento integrado de pesquisa e análise de dados, agora é parte do portfolio da Big Blue. Desde 2007, a IBM investiu mais de US$ 7 bilhões em aquisições, para acelerar suas iniciativas de nuvem e construir uma carteira de soluções de nuvem de alto valor.
– Uma das novidades apresentadas no Pulse 2014 foi a plataforma Blue Mix para prover serviços integrados com aplicações móveis, rede social e Big Data.
O Olhar Digital, que esteve em Las Vegas para participar do evento, explicou muito bem como essa plataforma vai ajudar as empresas. “… boa parte do trabalho de desenvolvimento de aplicativos que rodarão nos sistemas da empresa já está feito: os desenvolvedores poderão criar suas aplicações a partir de plataformas que já foram testadas em diferentes partes do mundo, dentro do ecossistema da IBM. Com isso, a expectativa é que o tempo de desenvolvimento de novos programas seja reduzido, aumentando a velocidade com que novos aplicativos podem alcançar a fase de produção e os usuários
finais.”

Artigos Relacionados

26 jun
“Inovação: é preciso estar disposto a tentar e falhar”
Geral // 0

Ser um empresa inovadora não é mais um diferencial. Para estar no campo competitivo é essencial ter a inovação como norte.  Agora, não é quem inova que está a frente, mas quem inova MAIS.  E os consumidores só têm a ganhar: quanto mais as empresas inovam, melhores são os serviços e os produtos entregues a

10 jul
Mindset: como aprender e crescer na carreira
Geral // 0

Como estar aberto para a diferença? Como se desenvolver e ser uma pessoa melhor? Além de crescimento pessoal, hoje em dia muitas empresas valorizam a formação de equipes multidisciplinares, onde cada integrante tem seu papel fundamental e juntos trazem a inovação. Inclusive isso já foi comprovado por pesquisas e cada vez mais companhias estão atrás

15 jul
O que os torcedores tanto falaram nas redes sociais no último mês?
Geral // 0

O mundial de 2014 vai ficar marcado pela intensidade dos jogos, pelo fiasco do Brasil e pela participação ativa dos torcedores nas redes sociais. Elas foram as grandes protagonistas do torneio e deram voz a uma arquibancada virtual que fez ainda mais barulho que o povo que estava no estádio. Quem acompanhou as redes durante

Comentários

Deixe aqui seu comentário

nitromidia.com Desenvolvido por