Pick a color

Boxed/Wide

Boxed
Wide

Content width

1200
1040
960

Select headings font

Background (Boxed)

 

Este ano, durante o quarto e último torneio do Grand Slam da temporada de tênis e o maior evento anual de esporte do mundo, o US Open, a IBM aplicou toda a sua expertise em análise de dados, social business, cloud computing e mobilidade em uma parceria com a Associação de Tênis dos Estados Unidos, USTA, com o objetivo de manter os milhões de torcedores e fãs do esporte conectados e ainda mais próximos das emoções que aconteciam em quadra, estivessem eles acompanhando os jogos no US Tennis Center, em Nova York, ou não.

 

A IBM já gera os dados do US Open e de outros torneios de tênis, como Wimbledon, há vários anos por meio do sistema de análise preditiva SlamTracker. Porém, este ano, o objetivo foi utilizar os dados e a tecnologia para criar uma experiência ainda mais especial e única para os torcedores, oferecendo uma visão inteligente de tudo que se passava nas quadras. Toda a análise
feita em tempo real durante o torneio foi projetada para os aplicativos Apple (iPhone e iPad) e também para usuários de smartphones com sistema Android, permitindo aos fãs interagirem com os dados desde o primeiro saque até o ponto final, com acesso imediato à pontuação, vídeos ao vivo, análise profunda dos jogos e estatísticas.

 

Ainda durante o US Open a IBM convidou o produtor musical James Murphy para trabalhar em parceria com um um desenvolvedor de software e criar música com big data ao automatizar algoritmos de música eletrônica a partir dos dados coletados durante as partidas. Os profissionais associaram elementos dos jogos como saques, faltas, temperatura e gênero dos jogadores.

 

A partir destas informações e com a ideia criar trilhas sonoras diferentes para cada partida o programador fez a leitura da
sequência de dados gerada por cada jogo e gerou uma mistura musical com uma sonoridade única. Juntos, criaram cerca de 400 horas de música ao longo do torneio.

 

Os resultados e músicas obtidos estão disponíveis em um site especial criado pela IBM chamado “The US Open Sessions”. Vale a pena conferir esse Jam musical!

 

Artigos Relacionados

29 jan
O que o carnaval da rua tem a ver com sua startup?
Geral // 0

*Por Maria Fernanda Espinosa   Carnaval em São Paulo. Os blocos de rua devem reunir mais de dois milhões de pessoas nas ruas da cidade. Para quem não sabe, essa folia toda começou de uns quatro anos para cá. Em 2012, por exemplo, cerca de seis blocos embalavam os festeiros no ritmo do carnaval na

17 jul
Liderança: como chegar lá!
Geral // 0

Estudar, trabalhar duro para conquistar aquela sala – a do gerente ou a do presidente – é o sonho de muitas pessoas. Essas posições oferecem reconhecimento, mas também esforço e determinação. Na matéria abaixo, do programa “Conta Corrente”, da Globo News, você poderá ver um dos programas que a IBM oferece para capacitar pessoas com

27 ago
IBM na busca pela conservação da Amazônia
Geral // 0

Acaba de começar mais uma edição do Corporate Service Corps da IBM! Desta vez, o programa global da companhia, que busca capacitar organizações diversas, levou  funcionários do Reino Unido, Estados Unidos, Austrália, Filipinas, Romênia e Japão, além do próprio Brasil, para Belém, no Pará. Lá, vão trabalhar junto com a The Nature Conservancy (TNC) –

Comentários

Deixe aqui seu comentário

nitromidia.com Desenvolvido por