Pick a color

Boxed/Wide

Boxed
Wide

Content width

1200
1040
960

Select headings font

Background (Boxed)

*Por Maria Fernanda Espinosa
O que você espera de uma empresa quando ela lhe oferece um produto ou serviço? Que tipo de experiência você quer ter no pré, durante e pós-compra?Vamos exemplificar: você entra em uma grande loja de varejo de moda e se vê ali diante de uma infinidade de peças e modelos. Faz o check-in com seu smartphone. Um vendedor se aproxima para ajudá-lo e para sua surpresa conhece suas preferências como estilo, cor, tamanho, preço e opção de pagamento, tudo isso pelo seu histórico de compras e as últimas consultas que você andou fazendo no e-commerce da loja. O vendedor então acompanha seu pedido de ponta a ponta, faz consultas imediatas no estoque sem ter que deixá-lo “longos” minutos esperando, e ainda fecha a sua compra sem que você tenha que enfrentar a fila do caixa. Sim, por que em grandes lojas de departamento as filas são uma realidade, meu caro!

Em outra situação, o gerente do seu banco identifica sua presença na agência bancária, e a partir das características de sua conta corrente e poupança, consegue traçar um plano específico para o seu perfil, incluindo investimentos, previdência privada, entre outros serviços.

Este é o mundo perfeito da experiência. E ele existe! Para mostrar isso, a IBM criou a IBM Interactive Experience (IBM IX), que reúne os conceitos de design digital, consultoria e integração de sistemas. A grande missão do IX é reinventar a experiência do consumidor com a ajuda da mobilidade e análise de dados

 Com a IX, a IBM traz todo seu conhecimento em Big Data-Analytics e conta com estreita colaboração do laboratório de pesquisas e da equipe da unidade Watson da IBM. Este é o grande diferencial da agência, pois ela consegue unir e estruturar todas as informações geradas em banco de dados das empresas e também nas redes sociais para criar experiências únicas para cada consumidor.

Vivemos hoje a economia E2E (Everyone to Everyone). Na década de 90, as empresas desenvolviam seus produtos e serviços baseados no que elas enxergavam como relevante para o mercado. No início dos anos 2000 foi a vez das empresas começarem a enxergar seus clientes e passarem a segmentá-los em grandes grupos. Hoje o consumidor ganhou um poder tão grande no cenário econômico, manifestando suas opiniões e desejos em redes sociais e grandes fóruns, evidenciando que não basta mais simplesmente atendê-lo, oferecer lhe um bom produto ou serviço, é preciso mais do que isso, é necessário surpreendê-lo, encantá-lo.

É dentro deste cenário que nasceu a IBM IX. Baseada no conceito E2E, onde o foco é proporcionar uma experiência individualizada, o intuito da IBM IX é despertar as empresas para que seus processos de negócio, bem como suas áreas (logística, marketing, comercial, financeiro e TI) estejam alinhadas e integradas para criarem uma experiência que seja de fato única.

A proposta da IBM IX é fazer com que design, consultoria, indústria e análise de dados consigam garantir uma resposta positiva para as perguntas que iniciam este texto: criar processos que definirão as melhores experiências para permitir um bom serviço/produto e um ótimo relacionamento. A transformação está apenas começando.
Conheça a experiência: http://ibm.co/1zyuhE5
Twitter: @ibminteractive

Artigos Relacionados

17 jul
Conheça as 5 tecnologias que estão dando o que falar em 2017
Geral // 0

Com frequência falamos aqui no blog sobre tecnologias disruptivas como Inteligência Artificial, Blockchain, Internet das Coisas, entre outras, e como elas já são realidade no nosso dia a dia. Curiosamente, há pouco essas mesmas tecnologias eram consideradas as apostas do futuro. Mas então, se essas “profecias” já se concretizaram quais são as próximas apostas tecnológicas?

23 set
A Big Blue deixou o BYOD seguro com solução que monitora apps
Geral // 0

*Por Maria Fernanda Espinosa Não é de hoje que o assunto BYOD preocupa companhias em todo o mundo. Explico. BYOD é a sigla que representa o termo ‘bring your own device’, ou, em português: traga/use seu próprio dispositivo. Estamos falando da prática de se utilizar dispositivos móveis pessoais – como celulares, tablets e computadores – para fins de trabalho. Isso

11 set
Esporte feito com dados. Música feita com Esporte!
Geral // 0

  Este ano, durante o quarto e último torneio do Grand Slam da temporada de tênis e o maior evento anual de esporte do mundo, o US Open, a IBM aplicou toda a sua expertise em análise de dados, social business, cloud computing e mobilidade em uma parceria com a Associação de Tênis dos Estados Unidos, USTA, com o

Comentários

Deixe aqui seu comentário

nitromidia.com Desenvolvido por