Pick a color

Boxed/Wide

Boxed
Wide

Content width

1200
1040
960

Select headings font

Background (Boxed)

Depois de ser utilizado em diversos segmentos, como culinária, saúde e negócios, o Watson estreia no
universo infantil. Até o final deste ano, a Elemental Path irá lançar uma linha de brinquedos inteligentes chamada CogniToys, que é composta por um dinossauro falante operado pelo Watson.

O sistema de computação cognitiva da IBM ajuda o brinquedo a reconhecer e a interpretar comandos de voz, assim o dinossauro conversa e responde às perguntas ao apertar um botão em sua barriga. Além de falar e esclarecer dúvidas, ele memoriza informações importantes sobre o seu dono, como cor favorita, e até conta piadas!
O CogniToys funciona conectado à Internet e na nuvem. Sua plataforma integra diversão com aprendizado apropriado para cada faixa etária e também dispõe de um painel de controle para os pais acompanharem as atividades e o progresso da criança. Ele é indicado para crianças de quatro a sete anos. O projeto está em fase de protótipo e conta com campanha no Kickstarter, um site de financiamento coletivo que apoia projetos inovadores voltados à tecnologia.
Este vídeo mostra como funciona o CogniToys. Você compraria para o seu filho?

Artigos Relacionados

25 maio
Como a inteligência artificial pode melhorar a vida dos advogados?
Geral // 0

– Por Bruno Favery – O antigo ditado “a justiça tarda, mas não falha” está com os dias contados. Logo logo ele será substituído por “a justiça não tarda e nunca falha”. E é melhor o bom e velho “a justiça é cega” também tomar cuidado para não ser alterado para “a justiça enxerga como

25 fev
Tal homem, tal máquina
Watson // 1

Será que um dia o homem vai ser tão íntimo de uma máquina como o Theodore é de sua “Samantha” no filme Her (Ela, no Brasil)? Para o cientista chefe da IBM Brasil, Fabio Gandour, “melhor que não seja”.  Assisti o filme na semana passada com ele e a repórter do IG, Emily Nunes, que fez uma matéria excelente

10 jan
E o Watson ganha o mundo
Watson // 0

Esta semana, a IBM deu um passo importante para tornar tecnologias cognitivas acessíveis a empresas de todo o mundo. A Big Blue investiu 1 bilhão de dólares para criar uma unidade de negócios independente para o Watson, o supercomputador desenvolvido por pesquisadores da IBM que ficou conhecido quando venceu os jogadores no programa de TV

Comentários

Deixe aqui seu comentário

nitromidia.com Desenvolvido por