Pick a color

Boxed/Wide

Boxed
Wide

Content width

1200
1040
960

Select headings font

Background (Boxed)

*Por Kelly Bassi

Há cinco anos a IBM surpreendeu ao disponibilizar o mainframe em Linux. A reinvenção do uso da plataforma levou ao aumento da sua adesão, tanto que, hoje, mais de um terço dos clientes de mainframe IBM usam Linux. Esta semana, a Big Blue avançou mais um importante capítulo dessa história: anunciou a abertura das linhas de códigos do Mainframe Linux e o acesso gratuito aos novos servidores LinuxONE.

Sim, a Big Blue está disponibilizando a mais tradicional solução do seu portfolio para a comunidade open source. Esta foi a maior contribuição de código mainframe que a IBM já realizou à comunidade aberta e que contribuirá na manutenção do “Projeto Open Mainframe”, formado pela Linux Foundation – uma organização sem fins lucrativos dedicada a acelerar o crescimento do Linux e o desenvolvimento colaborativo.

A IBM também apresentou dois servidores mainframe LinuxONE.  Esta é uma nova solução no portfólio de Systems-Hardware da IBM que integra hardware, software e serviços. Baseado no IBM z13, o LinuxONE Emperor é o sistema Linux mais avançado do mundo, com o processador mais veloz da indústria. É capaz de analisar transações em “tempo real” e operar com até 8 mil máquinas virtuais. Já o LinuxONE Rockhopper é um sistema inicial desenhado para clientes e mercados emergentes que procuram a velocidade, a segurança e a disponibilidade do mainframe, porém em um pacote menor.

Junto com o lançamento, a IBM criou o LinuxONE Developer Cloud, que será um canal aberto na nuvem para desenvolvedores. Lá eles podem criar e experimentar inovações no LinuxONE utilizando sistemas de engajamento, apps móveis e de nuvem híbrida.
Parece que o mainframe está mesmo sem limites! Entenda neste vídeo como essa madura tecnologia, de 51 anos, está mais jovem do que nunca para a comunidade aberta.

Saiba mais:

25 bilhões de transações processadas. Aceita o desafio?

IBM anuncia mainframe baseado em Linux

 

Artigos Relacionados

25 maio
Como a inteligência artificial pode melhorar a vida dos advogados?
Geral // 0

– Por Bruno Favery – O antigo ditado “a justiça tarda, mas não falha” está com os dias contados. Logo logo ele será substituído por “a justiça não tarda e nunca falha”. E é melhor o bom e velho “a justiça é cega” também tomar cuidado para não ser alterado para “a justiça enxerga como

30 abr
IBM encaixa mais uma peça no quebra-cabeça da computação quântica
Geral // 0

 *por Mariana Lemos Já ouviu falar em Computação Quântica? A IBM trabalha para montar as peças deste quebra-cabeça há 30 anos. Nesta semana a Big Blue anunciou, mundialmente, um grande passo, que nos deixa mais próximos do tão esperado computador quântico: um circuito capaz de detectar erros próprios do qubit – unidade de informações quânticas. Os qubits, num computador quântico,

28 abr
O grande amigo que nunca tive na escola
Geral // 3

*por Bruno Favery – Quando eu era criança adorava ir à escola. Desenhar era uma das atividades que mais gostava. Lembro que muitas vezes me irritava com as professoras quando elas davam alguma atividade que não caía no meu gosto, principalmente quando tinha algo a ver com matemática. Por mim, eu ficaria desenhando, desenhando e desenhando…

Comentários

Deixe aqui seu comentário

nitromidia.com Desenvolvido por