Pick a color

Boxed/Wide

Boxed
Wide

Content width

1200
1040
960

Select headings font

Background (Boxed)

No final do ano passado contamos as histórias de sucesso da edição brasileira do IBM SmartCamp 2016, competição internacional de startups promovida pela IBM. E explicamos como os vencedores daquela etapa ganhariam a oportunidade de participar da grande final mundial da competição que ocorreria em abril durante o LAUNCH Festival, no Vale Do Silício, Califórnia / EUA. Esse grande dia chegou e evento aconteceu no início do mês.

Criado em 2007, por Jason Calacanis, famoso investidor anjo (que utiliza seu próprio capital como pessoa física), o LAUNCH Festival é um dos maiores eventos do mundo voltado a startups, investidores e empreendedores. Segundo seu criador trata-se de uma celebração do empreendedorismo e um evento com o objetivo de alimentar esse ecossistema criativo que vira e mexe geram aplicações e modelos de negócios disruptivos como, por exemplo, foi com o Uber, Tumblr e Evernote. Em 2017, no aniversário de 10 anos do Festival, mais de 300 startups se apresentaram para um público de 12.000 pessoas.WhatsApp Image 2017-04-20 at 14.38.18

Pois é, muita gente unida querendo mudar o mundo ou simplesmente atrás de um investidor para colocar sua criação em ação. Vamos aos vencedores. A startup que ganhou o IBM Smart Camp e levou o cobiçado prêmio de US$ 25.000 dólares foi a Aid:Tech, que é focada na transparência e eficiência na doação para refugiados de guerra e zonas de conflito. A startup Legal Robot sagrou-se campeã na categoria Melhor Design. Ela utiliza inteligência artificial para leitura de contratos legais. Já a RoboKind, venceu como melhor startup de educação, com seu projeto que envolve robôs sociais para ajudar crianças com autismo.

Além da competição de altíssimo nível, vou comentar sobre algumas coisas que me chamaram atenção durante o LAUNCH Festival:

Mercado da Cannabis

Sim, é isso mesmo, a “famigerada” maconha deu o que falar nessa edição. Apesar de ainda ser um assunto um tanto quanto polêmico, a indústria da cannabis nos Estados Unidos, onde o uso para tratamento médico já é legalizado em oito estados, está em pleno crescimento. Estimativas apontam que o mercado medicinal da maconha deve movimentar US$ 50 bilhões em 2026. As atuações das startups vão desde de como aperfeiçoar o plantio da erva até e-commerce focado na doença e localização do usuário. Já até existe uma aceleradora nos Estados Unidos com foco nessa indústria: a Gatway.

Mulheres do Mercado de TI

Como já sabemos, a questão da igualdade e inserção de mulheres no mercado de TI é global. Durante o Launch deu para perceber que houve muito avanço, mas ainda há muito trabalho a ser feito para termos mais mulheres engajadas neste mercado. O Festival buscou levar em todos os painéis, ao menos 2 mulheres, sejam elas investidoras ou empreendedoras. Adorei!

IBM

WhatsApp Image 2017-04-20 at 14.38.14No stand da IBM, uma das patrocinadoras do evento, havia uma atividade bem interessante: o Beer Taste Experience. O teste baseado em Machine Learning indica ao participante três tipos de cerveja, as quais mais se encaixam no seu perfil. Nesse dia descobri que tecnologia e cerveja tem tudo a ver!

Desenvolvedores

A empresa KODER chamou a atenção com o slogan: Developers as a service. A startup oferece um modelo de subscrição no qual o usuário pode contratar desenvolvedores do Vale do Silício, por meio de planos mensais, dependendo das atividades que esse desenvolvedor realizará.

Já a Stripe, dos irmãos irlandeses Collison, é considerada pelos developers no mundo todo como a mais inovadora e democrática forma de pagamento. As APIs são de simples leitura e os desenvolvedores conseguem integrar formas e métodos de pagamentos de uma forma eficaz. Os principais clientes da empresa são startups e pequenos negócios. Inclusive, é possível integrar as APIs com o Slack e MailChimp, por exemplo. A Stripe lançou ano passado o Stripe Atlas, uma solução que ajuda a abrir uma conta bancária no estado americano de Delaware, com benefícios fiscais. A startup vale hoje cerca de US$ 9 bilhões. Patrick Collison, hoje CEO da empresa, tem apenas 28 anos.

WhatsApp Image 2017-04-20 at 14.38.15Gostou do que leu? Acompanhe nossas redes sociais para desenvolvedores e empreendedores e fique por dentro desse mundo inspirador!

* Por: Flavia Carvalho, IBM Developer Advocate – Outreach Strategy

Artigos Relacionados

09 nov
Bluehack: o que eu vi no maior hackathon da América Latina
Geral // 0

Parecia um sábado cinzento qualquer de São Paulo. O dia amanheceu frio e nublado e não fugia do habitual e rotineiro clima da capital paulistana. Mas, contrariando as estatísticas, ainda bem cedo, por volta das 8h uma aglomeração de pessoas (na maioria jovens e estudantes) se reunia na frente de um grande edifício localizado na rua Tutóia,

28 ago
Robôs Humanizados: a próxima revolução
Geral // 1

Antes de escrever este texto eu fiquei pensando nas capacidades e características que nós, humanos, temos. Podemos pensar, cantar, dançar, temos o poder de persuadir, abraçar e amar. Conseguimos ser irônicos, afáveis, maldosos, leais e por aí vai. Por que estou falando sobre isso? O título já mostra que há uma intenção real em mostrar

08 jan
IBM e o ecossistema de desenvolvimento profissional e acadêmico em TI
Geral // 0

Apresentamos a vocês a área de IBM Ecosystem Development – focada no desenvolvimento de professores, estudantes, pesquisadores e profissionais de TI. Ligado a isto, mostramos o Academic Iniciativa, uma plataforma destinada a professores de nível médio e superior, pesquisadores e alunos de pós-graduação. Hoje, vamos abordar mais duas iniciativas lideradas por este time, que tem o objetivo de capacitar pessoas no mercado de

Comentários

Daniel B
2 de maio de 2017

Parabéns pelo texto! Muito interessante saber das inovações do Vale do Silício que foram apresentadas no Launch Festival!

Deixe aqui seu comentário

nitromidia.com Desenvolvido por